R.E 8098     |  Seg à Sexta - 7h às 20h     | +55 11 3021-8682     +55 11 94840-0023     |     Facebook Youtube

Fisioterapia nas Disfunções Pélvicas

 

O que é fisioterapia pélvica?

A fisioterapia pélvica é a área de fisioterapia especializada na prevenção e/ou tratamento de todas as disfunções que afetam o assoalho pélvico. Tem como objetivo realizar exercícios físicos gerais e direcionados ao períneo e toda a região da pelve de homens e mulheres, além disso, temos aparelhos com eletroestimulação e biofeedback, técnicas específicas para os músculos locais.

 

Quais as disfunções que a fisioterapia pélvica atua?

  • Incontinência fecal: Incapacidade de controlar a eliminação de fezes.
  • Incontinência Urinária
  • Disfunções pélvicas infantis: enurese (xixi na cama), incontinência/retenção urinária;
  • Prolapsos de órgãos: é a exteriorização de órgãos pelo canal vaginal ou anal. Acontece devido ao enfraquecimento da musculatura do assoalho pélvico e dos ligamentos que têm o papel de sustentar esses órgãos. Os órgãos que geralmente são projetados para fora são bexiga, útero e reto.
  • Disfunção sexual: os transtornos sexuais podem acontecer tanto no homem como na mulher, em uma (ou mais) das três fases que compõem o ciclo de resposta sexual: desejo, excitação e orgasmo. As disfunções sexuais mais frequentes nas mulheres são o vaginismo (contração involuntária dos músculos impossibilitando a penetração), anorgasmia (dificuldade ou incapacidade de atingir o orgasmo), dispareunia (dor durante o ato sexual).
  • Gestação e parto: durante a gravidez, os músculos do assoalho pélvico sofrem uma maior pressão porque sustentam, além dos órgãos pélvicos, o bebê e os anexos embrionários.
  • Menopausa e a Flacidez da Vagina: A Fisioterapia Pélvica tem o poder de melhorar a vascularização local, ou seja, aumentar e melhorar a circulação sanguínea. Isso diminui o ressecamento e o enfraquecimento da mucosa, diminui a morte celular e o consequente enfraquecimento da musculatura e da pele.

 

Como funciona o tratamento?

A maior parte dos problemas relacionados ao assoalho pélvico são solucionados com a Fisioterapia Pélvica. Os principais fatores abordados no tratamento são:

Aprender a localizar e reconhecer os músculos do assoalho pélvico. Uma grande porcentagem de mulheres não sabe onde estão ou o papel que tem o assoalho pélvico.

Exercer a contração dos músculos do assoalho pélvico sem contrair simultaneamente os músculos das nádegas ou coxas, se isso não for necessário.

Fortalecer os músculos do assoalho pélvico. Para isso, poderá ser usado equipamentos ou exercícios específicos.

Aprender a integrar a musculatura do assoalho pélvico em nossa vida diária. Dessa forma, saberemos como protegê-lo de esforços desnecessários e, claro, aprender como usá-lo contribuindo essencialmente para a qualidade de vida. Todos os exercícios terapêuticos devem ser projetados, avaliados e controlados por um profissional. A Onefisio conta com profissionais capacitados para avaliar as estruturas do assoalho pélvico e estabelecer um plano de tratamento com exercícios terapêuticos personalizados.

 

 

Benefícios da Fisioterapia nas Disfunções Pélvicas

1

Alivio de desconfortos urogenitais.

2

Fortalecimento dos músculos do assoalho pélvico.

3

Prevenção de disfunções, como incontinência.

4

Auxilia na qualidade e bem-estar da vida sexual.

5

Recuperação pós-parto melhor e mais rápida.

6

Auxilia no tratamento pré e pós-operatório de cirurgias pélvicas.